Utilizador
As minhas preferências
Todas as preferências
Cardiovascular, Renal e Metabólica
Insuficiência Cardíaca
Doença Metabólica
Doença Renal
Doença Cardíaca
Doenças Respiratórias
Asma
Asma Grave
DPOC
Vírus sincicial respiratório
Doenças auto-imunes
Lupus
Oncologia
Cancro do Pulmão
Cancro da Mama
Cancro do Ovário
Hematologia
Outros
Vacinas
Ferramentas de Enfermagem
Diagnóstico de precisão
Ao ativar alguma das opções acima está a aceitar os nossos Termos e Condições
O meu Perfil
Dados Pessoais
*Dados de preenchimento obrigatório
Social Network
Como deseja ser contatado(a)
×
Salvar alterações
Solicitar a visita ou contato por um Delegado e/ou MSL
Veeva ID: PT-11587
Aprovado a 12/2021

    Solicitar a visita ou contato por um
    Como deseja ser contatado(a)
    Cancelar
    * Campos de preenchimento obrigatório.
    Ao ativar alguma das opções acima está a aceitar os nossos Termos e Condições
    A informação incluída neste website é dirigida a profissionais de saúde com o objetivo de educação médica contínua.
    Utilizador
    As minhas preferências
    Todas as preferências
    Cardiovascular, Renal e Metabólica
    Insuficiência Cardíaca
    Doença Metabólica
    Doença Renal
    Doença Cardíaca
    Doenças Respiratórias
    Asma
    Asma Grave
    DPOC
    Vírus sincicial respiratório
    Doenças auto-imunes
    Lupus
    Oncologia
    Cancro do Pulmão
    Cancro da Mama
    Cancro do Ovário
    Hematologia
    Outros
    Vacinas
    Ferramentas de Enfermagem
    Diagnóstico de precisão
    Ao ativar alguma das opções acima está a aceitar os nossos Termos e Condições
    O meu Perfil
    Dados Pessoais
    *Dados de preenchimento obrigatório
    Social Network
    Como deseja ser contatado(a)
    ×
    Salvar alterações
    Solicitar a visita ou contato por um Delegado e/ou MSL
    Veeva ID: PT-11587
    Aprovado a 12/2021

      Solicitar a visita ou contato por um
      Como deseja ser contatado(a)
      Cancelar
      * Campos de preenchimento obrigatório.
      Ao ativar alguma das opções acima está a aceitar os nossos Termos e Condições
      A informação incluída neste website é dirigida ao público em geral.

      Powered by AstraZeneca logoAstraZeneca Corporate? Login

      Cancro da Mama

      O cancro da mama

      O QUE É O CANCRO DA MAMA?

      O cancro da mama é uma doença provocada pelo crescimento anormal e descontrolado de células com origem nos tecidos mamários. Pode começar numa ou em ambas as mamas.1-3

      A mama é composta por três partes principais:2,3

      Lóbulos: as glândulas que produzem o leite;

      Ductos: os canais que transportam o leite até ao mamilo;

      Tecido conjuntivo: tecido fibroso e adiposo que envolve todas as estruturas.

       

      A maioria dos casos de cancro da mama iniciam-se nos lóbulos ou nos ductos, sendo mais comum nestes últimos.1-3

      Pode ainda ter início noutros tecidos da mama, por exemplo, no tecido conjuntivo (tumor filóide), no mamilo (doença de Paget), entre outros.3

      Apesar do cancro da mama surgir maioritariamente no sexo feminino, pode ocorrer também no sexo masculino (cerca de 1% de todos os casos de cancro da mama).1

      Até à puberdade, tanto mulheres como homens apresentam tecido mamário de reduzidas proporções, com apenas alguns ductos localizados atrás do mamilo e da aréola (área ao redor do mamilo).4

      Após a puberdade, na mulher ocorre um maior crescimento deste tecido, potenciado pelas hormonas produzidas nos ovários, causando um aumento dos ductos e formação dos lóbulos, fenómeno que não ocorre no caso do homem. Apesar de muito pouco desenvolvido, o tecido mamário do homem contém alguns ductos e poucos ou nenhuns lóbulos.4

      Assim, o cancro da mama no homem tem maioritariamente origem nos ductos (estrutura com maior expressão), mas pode ocorrer em qualquer uma das outras estruturas presentes, tal como acontece na mulher.4

      É também relevante para o correto funcionamento e desenvolvimento da mama a presença do sistema circulatório sanguíneo (vasos sanguíneos) e do sistema linfático (vasos e gânglios linfáticos).5

      Os vasos sanguíneos são responsáveis por nutrir as células, mantendo o seu normal funcionamento e desenvolvimento.5

      Os vasos linfáticos, por sua vez, são responsáveis pela drenagem de fluidos. Estes vasos encontram-se conectados aos gânglios linfáticos (orgãos pequenos, do tamanho de um feijão), que atuam no combate de infeções.

      Existem diferentes grupos de gânglios linfáticos localizados por todo o corpo sendo, neste caso, mais relevante distinguir os presentes na mama (internos) e em torno da mesma (axilares e claviculares).3,5

      O cancro da mama pode propagar-se para fora da mama através dos vasos sanguíneos e dos vasos linfáticos.2 Embora se propague mais frequentemente para os gânglios linfáticos próximos (considerado doença local ou regional), pode também propagar-se através dos vasos sanguíneos e/ou gânglios linfáticos para áreas mais distantes do corpo como os ossos, pulmões, fígado e cérebro. Aqui é considerada doença metastática e é a fase mais avançada da doença.5

      A presença de células tumorais nos gânglios linfáticos aumenta a probabilidade de metastização. No entanto, é importante destacar que nem todos os doentes com células tumorais nos gânglios linfáticos desenvolvem metástases e, por outro lado, alguns doentes sem células tumorais nos gânglios linfáticos, podem desenvolver metástases.3

      Quando o cancro da mama se propaga para outras partes do corpo, além da mama e gânglios linfáticos próximos, ocorreu “metastização”. A área de propagação é considerada uma “metástase”, ou no plural “metástases”, se o cancro se tiver espalhado para mais de uma área.7

      O diagnóstico mais frequente da doença metastática é após um tratamento inicial para o cancro da mama numa fase anterior (não metastático). Pode acontecer em qualquer altura após alguém ter sido diagnosticado, mesmo décadas mais tarde. Neste caso, ocorreu “recidiva à distância” ou “recidiva metastática”.7

      Em alguns casos, o primeiro diagnóstico é realizado já na fase metastática, sendo classificado como cancro da mama metastático “de novo” ou cancro da mama em estádio IV. 7

      REFERÊNCIAS

      1. ESMO Patient Guide Series – Breast Cancer. European Society for Medical Oncology (ESMO). 2018. Disponível em: https://www.esmo.org/for-patients/patient-guides, consultado em setembro 2022;

      2. Centers for Disease Control and Prevention (CDC) – Breast Cancer. Basic Information: What is Breast Cancer?. Disponível em: https://www.cdc.gov/cancer/breast/basic_info/what-is-breast-cancer.htm, consultado em setembro 2022;

      3. American Cancer Society (ACS) – Breast Cancer. What is Breast Cancer?. Disponível em: https://www.cancer.org/cancer/breast-cancer/about/what-is-breast-cancer.html, consultado em setembro 2022;

      4. American Cancer Society (ACS) – Breast Cancer in Men. What is Breast Cancer in Men?. Disponível em: https://www.cancer.org/cancer/breast-cancer-in-men/about/what-is-breast-cancer-in-men.html, consultado em setembro 2022;

      5. American Society of Clinical Oncology (ASCO) – Cancer.Net – Breast Cancer: Introduction. Disponível em: https://www.cancer.net/cancer-types/breast-cancer/introduction, consultado em setembro 2022;

      6. Centers for Disease Control and Prevention (CDC) – Breast Cancer. Breast Cancer in Men. Disponível Disponível em: https://www.cdc.gov/cancer/breast/men/index.htm, consultado em setembro 2022;

      7. American Society of Clinical Oncology (ASCO) – Cancer.Net – Breast Cancer – Metastatic: Introduction. Disponível em: https://www.cancer.net/cancer-types/breast-cancer-metastatic/introduction, consultado em setembro 2022.

      Veeva ID: PT-13749
      Aprovado a 09/2022
      saudeflix whatsapp sharesaudeflix telegram share